segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Nu


Adoro quando vc se despe (...)
...veste aquela sua bermuda azul,ou melhor quando nada veste.
e...fica Nu, com a transparência do nosso afeto.
Erótico é o desnudamento.

domingo, 17 de novembro de 2013

Promessa do Céu

Pobre Coitado!

Quem tudo perde e nada cria.

Cria  ativos até na hora de rezar.
Senta, olha ,cala e pia...

(Shhhhh)

O nome é do Pai, filho, espirito santo de Maria.

Excesso incomum.

O Propósito do amor, me faz considerar.

Passo por cima de ideias, grandes grades solar.

Tomei o antídoto da falta de ter razão,ando com a cabeça em uma prisão.

Carrego a perda de foco,  preguiça de ideias comuns, a fadiga de falsidades continuas e musculares.

E o amor ainda, me faz.................. re-considerar?!

 Que amor é esse que invade sem que eu deixe entrar ?

Amor,desvairado. Incomum e insensato.

Perdido. Vem do leste.  Ponho uma pedra e anoiteço!

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Nu

Minha boca em Você!
Como ? te como!

Amo ? Te comer. Oro,Ora pro no bis!
Ora por Nudo... olho PRA Céu,seu corpo Nu.

óbvio...sou extrema,extremista...Compulsiva?
Combustão!

Dor. Aflita!

Copo de saliva!
Prazer,prazer!
 Me chamo Tentação.

Ilusão ?

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Vizinhança

Os múrmuros são altos la de cima...

Seu Zé como gosta de ser chamado perambula a contar histórias de amor.

Maria,companhia de anos e acanhada toda vida,permanece depois de primaveras com o pulso frio e fraco do coração.

 E seu Zé diz.. - Vem ver o amor ,Maria!

Mas o cansaço é grande Zé ...e do amor,eu já nem sei mais...